MUDANÇA NA POLÍCIA CIVIL DO RIO  DE JANEIRO

A Polícia Civil mudou delegados de 28 unidades da instituição. A dança das cadeiras foi publicada, na manhã desta quarta-feira, no boletim interno. Metade das mudanças aconteceu nas delegacias especializadas, como na Delegacia de Proteção a Criança e Adolescente (DPCA), na Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC) e na Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI).
Os comandos das divisões de Homicídios da Baixada (DHBF) e de Niterói e São Gonçalo (DHNSG) também foram trocados. Pedro Henrique Brandão Medina, que estava à frente da DHBF será substituído por Wellington Pereira Vieira, que estava na DHNSG. Pedro Henrique irá assumir a Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA). De acordo com a assessoria da Polícia Civil, as trocas de titularidades são rotinas administrativas e ocorrem com frequência para oxigenar os quadros da Polícia Civil.
Veja a lista completa com as mudanças:
Delegacia de Proteção a Criança e Adolescente (DPCA): Sai o titular Gilson Perdigão Soares de Azevedo Filho e entra Roberto Gomes Nunes, que estava na 9ª DP (Catete).
Delegacia do Consumidor (Decon): Sai o titular Ricardo Barbosa de Souza e entra Gilson Perdigão Soares de Azevedo Filho, que estava na DPCA.
Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC): Sai o titular Rodrigo Sebastian Santoro Nunes e entra Marcelo Luiz Santos Martins, que estava na 33ª DP.
Departamento Geral de Polícia Especializada (DGPE): Entra Ricardo Barbosa de Souza, que estava na Decon, Marcus Vinícius de Almeida Braga, que estava na DRFA, e Catarina Elisabete Noble Santos, que estava na DEAPTI.
Divisão de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG): Sai o titular Wellington Pereira Vieira e entra Fábio Oliveira Barucke, que estava na 18ª DP.
Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF): Sai o titular Pedro Henrique Brandão Medina e entra Wellington Pereira Vieira, que estava na DHNSG.
Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI): Sai a delegada adjunto Renata Araújo dos Santos.
Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV): Sai o titular Marcello Braga Maia e entra Renata Araújo dos Santos, que estava na DRCI.
Corregedoria Interna (Coinpol): Sai o delegado assistente Marcelo Ambrósio.
Delegacia Especial a Terceira Idade (DEAPTI): Sai a titular Catarina Elisabete Noble Santos e entra Marcello Braga Maia, que estava na DCAV.
Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA): Saem o delegado titular Marcus Vinícius de Almeida Braga e a delegada assistente Daniela Campos Rodriguez Terra e entra Pedro Henrique Brandão Medina, que estava na DHBF.
Departamento Geral de Polícia da Capital (DGPC): Entra Maurício Luciano de Almeida e Silva, que estava na 7ª DP e Alcides Alves Pereira, que estava na 5ª DP.
Centro de Comando Operações Especiais (CeCOPOL): Entra Mauro Henrique Vieira Braga.
Delegacia de Combate às Drogas (DCOD): Sai o delegado assistente Roberto Ramos da Silva Santos.
5ª DP (Mem de Sá): Sai o titular Alcides Alves Pereira e entra Marcus Henrique de Oliveira Alves.
7ª DP (Santa Teresa): Sai o titular Maurício Luciano de Almeida e Silva e entra Roberto Ramos da Silva Santos, que estava na DCOD.
9ª DP (Catete): Sai o titular Roberto Gomes Nunes e entra Marcelo Ambrósio.
18ª DP (Praça da Bandeira): Sai o titular Fábio Oliveira Barucke e entra Marcus Antônio Neves Pereira.
29ª DP (Madureira): Sai o delegado assistente Marcus Henrque de Oliveira Alves.
33ª DP (Realengo): Sai o titular Marcelo Luiz Santos Martins e entra Daniela Campos Rodriguez Terra, que estava na DRFA.
34ª DP (Bangu): Sai o titular Rui Barboza de Souza e entra Rodrigo Sebastian Santoro Nunes, que estava na DRFC.
39ª DP (Pavuna): Sai o titular Luiz Alberto Cunha de Andrade e entra Rui Barboza de Souza, que estava na 34ª DP.
40ª DP (Honório Gurgel): Sai o titular Marcus Antônio Neves Pereira e entra Luiz Alberto Cunha de Andrade, que estava na 39ª DP.
53ª DP (Mesquita): Sai a titular Juliana Emerique de Amorim Coutinho, que estava na 53ª DP, e entra Matheus de Almeida R. Lopes, que estava na 63ª DP.
59ª DP (Duque de Caxias): Sai o titular José Afonso Mota e entra Juliana Emerique de Amorim Coutinho, que estava na 53ª DP.
61ª DP (Xerém): Sai o titular Flávio da Rosa Loureiro e entra José Afonso Mota, que estava na 59ª DP.
63ª DP (Mesquita): Sai o titular Matheus de Almeida R. Lopes e entra Flávio da Rosa Loureiro, que estava na 61ª DP.
156ª DP (Santa Maria Madalena): Sai o titular Mauro Henrique Vieira Braga e vai para Centro de Comando Operações Especiais (CeCOPOL)m

CAPITÃO DA PM DO RJ É PRESO PELA POLÍCIA FEDERAL POR FRAUDE CONTRA O INSS

Um capitão reformado da PM foi preso hoje pela Polícia Federal em Niterói. Ele seria chefe de uma quadrilha que fraudava o INSS causando prejuízo de mais de R$ 5 milhões. Além dele, dois despachantes também estão envolvidos.
Na residência do oficial preso, no bairro Engenhoca, em Niterói, foram apreendidos R$ 97 mil em dinheiro, documentos falsos, carimbos alusivos a órgãos públicos, cartões de recebimento de benefícios previdenciários fraudulentos e extratos de saques de benefícios.

CAPITÃO DA PM É PRESO PELA PF POR FRAUDE CONTRA O INSS

Um capitão reformado da PM foi preso hoje pela Polícia Federal em Niterói. Ele seria chefe de uma quadrilha que fraudava o INSS causando prejuízo de mais de R$ 5 milhões. Além dele, dois despachantes também estão envolvidos. 

Na residência do oficial preso, no bairro Engenhoca, em Niterói, foram apreendidos R$ 97 mil em dinheiro, documentos falsos, carimbos alusivos a órgãos públicos, cartões de recebimento de benefícios previdenciários fraudulentos e extratos de saques de benefícios. 

Mais detalhes na Ag. de Notícias da PF: http://bit.ly/1qSxOQ8

#euconfionaPF #SomosFortesnaLinhaAvançada


O Prefeito Alair Corrêa esta sendo o prefeito da esperança da população cabo-friense . Ele reconstruiu o cidade que ficou esquecida e abandonada por oito anos . Esse sim merece que tirem o chapéu ... Parabéns prefeito !

                                        ALAIR CORRÊA
                                       Prefeito de Cabo Frio


Somos uma das sete cidades mais antigas do Brasil. No meu penúltimo MANDATO, nos anos 90, como prefeito, tive a honra de ser o PRESIDENTE DA COMISSÃO QUE ORGANIZOU AS FESTAS DOS 500 ANOS DO DESCOBRIMENTO DE CABO FRIO. Agora, novamente, Deus me concede mais um mandato de prefeito, o quarto, me entregando a honrosa missão de presidir os preparativos dos festejos do QUARTO CENTENÁRIO de fundação de nossa cidade, iniciando esse trabalho a partir do aniversário de 399 anos que estamos comemorando neste mês de novembro e que marca o início da programação do nosso Cabo Frio QUATROCENTÃO!
CABO FRIO DE LINDAS PRAIAS, dunas de areias brancas, do Forte São Matheus, Morro da Guia, Canal do Itajurú e dos passeios pelo Rio São João.
CABO FRIO DE PRÉDIOS HISTÓRICOS como o Convento e a Fazenda Campos Novos; de uma SOCIEDADE FORTE E PROGRESSISTA, mas com raízes e tantas histórias;  CABO FRIO QUE COMPLETA, nesse dia 13 de novembro, gloriosos 399 anos; rompeu vários ciclos econômicos, como o do pau brasil, motivo da invasão estrangeira em seus primeiros séculos; como o sal artesanal de suas salinas; o pescado; o petróleo e o turismo – a eterna força econômica da nossa cidade.
Viver em Cabo Frio é sentir-se dentro de um inesgotável tempo de alegria e paz, ter o mais bonito pôr do sol e poder vê-lo mergulhar diariamente nas águas de nossa lagoa. Viver aqui é se encantar com a beleza da Praia do Forte, pisar nas suas areias tão brancas ou banhar-se em suas águas tão azuis. É saudar o verão e sentir o sol aquecer a alma, ver seus 200 mil habitantes numa roda cultural diversificada pelas diferentes origens de um milhão de pessoas que para aqui vem, mantendo a paciência, o sorriso e a alegria. Cabofrienses que vêem o seu pedaço de terra, o seu mar, seu vento, sua água, sendo divididos democraticamente com outras 800 mil pessoas que não conhecem e apenas sabem de onde vieram pelas placas dos milhares de carros que circulam por suas ruas, vindos dos quatro cantos do país, o que por um tempo transforma NOSSA TERRA AMADA no próprio Brasil.
Como prefeito, convido a todos para as festividades comemorativas dos 399º aniversário de nossa cidade. É uma data histórica rumo aos 400 anos de fundação. PARABÉNS, CABO FRIO! QUATROCENTÃO!
A UNIÃO FAZ A FORÇA 

Amanha, dia 16/12, a Secretaria de Segurança Publica do RJ , fará a cerimônia de entrega do PREMIO INTEGRAÇÃO . A Delegada Flavia Monteiro Titula da 126 DP  e Coronel Ruy Franca Comandante do 25 BPM . Ambos serão  homenageados . A cerimônia realizada no Teatro João Caetano as 11h30.






                              ELES VOLTARAM

Após 5 anos foi reativada a  Scuderie Detetive Le Cocq. Na eleição do dia 31 de agosto , os associados elegeram presidente, o papiloscopista Humberto Fittipaldi e vice-presidente, o instrutor da Acadepol, José Dias de Moraes. A posse dos 18 novos diretores aconteceu hoje (20/09) na sede provisória do SINPOL – Rua Riachuelo nº 191 A, Centro do Rio.
A escuderia no passado transformou-se em associação e chegou a reunir sete mil associados e admiradores. Seu objetivo era a repressão ao crime. O grupo era liderado pelos chamados “Doze Homens de Ouro", entre os policiais escolhidos na força de elite da polícia pelo Secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, Luis França, para "limpar" a cidade.

"Hoje, os tempos são outros,” diz o diretor jurídico da Scuderie, Guilherme Le Cocq, sobrinho do famoso detetive que inspirou a criação da confraria de policiais.  Ele entende que Scuderie Detetive Le Cocq pode ressurgir como uma das vozes da classe policial e jurídica com viés no assistencialismo, ajudando a população em casos de emergência e calamidade pública, como às enchentes na Região Serrana em 2011 e 2012. A Scuderie é uma instituição filantrópica de utilidade pública estadual e se propõe a incentivar o desenvolvimento social. “Nosso lema é servir, servindo perpetuamos Le Cocq”, declara Guilherme Le Cocq.




VOCÊ SABE O QUE É CHIKUNGUNYA?


Estamos na iminência de uma pandemia, para que você possa entender o que significa! Pandemia é uma epidemia de doença infecciosa que pode se espalhar entre a população localizada em uma grande região geográfica como, por exemplo, um continente, ou mesmo o planeta.


De acordo com a Organização Mundial da Saúde, uma pandemia pode começar quando se reúnem estas três condições: 1 - O aparecimento de uma nova doença à população. 2- O agente infecta humanos, causando uma doença séria. 3- O agente espalha-se fácil e sustentavelmente entre humanos. Atenção no Brasil tem 828 casos de CHIKUNGUNYA, segundo Ministério da Saúde. Até o dia 25 de outubro, 828 casos de infecção pelo vírus chikungunya foram diagnosticados no Brasil. Do total, 299 foram transmitidos dentro do próprio país (casos autóctones). Outros 39 casos foram importados, ou seja, os pacientes foram infectados durante viagens a outros países. A informação foi divulgada pelo Ministério da Saúde nesta quarta-feira (29). Nas últimas duas semanas, houve um aumento de 491 casos.


Houve 458 casos de transmissão interna na Bahia, 330 no Amapá e 1 em Minas Gerais. Quanto aos casos importados, foram registrados 17 em São Paulo, 4 no Ceará, 3 no Rio de Janeiro e mais 3 em Roraima. Rio Grande do Sul, Paraná e Distrito Federal registraram dois casos, cada. Amazonas, Amapá, Goiás, Maranhão, Minas Gerais e Pará tiveram apenas uma notificação de caso importado.

Do total de casos, 155 foram confirmados por exame laboratorial e 673 por critério clínico-epidemiológico. De acordo com o Ministério, quando há transmissão intensa em determinada região, o diagnóstico pode ser feito pela observação dos sintomas, caso o paciente tenha tido contato com outras pessoas infectadas.


 Entenda o vírus

A infecção pelo vírus chikungunya provoca sintomas parecidos com os da dengue, porém mais dolorosos. No idioma africano makonde, o nome chikungunya significa "aqueles que se dobram", em referência à postura que os pacientes adotam diante das penosas dores articulares que a doença causa.

Em compensação, comparado com a dengue, o novo vírus mata com menos frequência. Em idosos, quando a infecção é associada a outros problemas de saúde, ela pode até contribuir como causa de morte, porém complicações sérias são raras, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).


Como as pessoas pegam o vírus?

Por ser transmitido pelo mesmo vetor da dengue, o mosquito Aedes aegypti, e também pelo mosquito Aedes albopictus, a infecção pelo chikungunya segue os mesmos padrões sazonais da dengue, de acordo com o infectologista Pedro Tauil, do Comitê de Doenças Emergentes da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI). O risco aumenta, portanto, em épocas de calor e chuva, mais propícias à reprodução dos insetos. Eles também picam principalmente durante o dia. A principal diferença de transmissão em relação à dengue é que o Aedes albopictus também pode ser encontrado em áreas rurais, não apenas em cidades.


Quais são os sintomas?

Entre quatro e oito dias após a picada do mosquito infectado, o paciente apresenta febre repentina acompanhada de dores nas articulações. Outros sintomas, como dor de cabeça, dor muscular, náusea e manchas avermelhadas na pele, fazem com que o quadro seja parecido com o da dengue. A principal diferença são as intensas dores articulares.


CUIDADO O PERIGO NOS RONDA!



   

   
"SOU A FAVOR DA REDUÇÃO DA MAIORIDADE PENAL " - JÁ CHEGA DE VERMOS  POLICIAIS MORTOS POR MENORES BANDIDOS ! 


                                  Tragédia



Aconteceu hoje dia 12 de dezembro ... Uma Criança de 12 anos morreu de overdose de cocaína hoje no UPA de Cabo Frio !


 O §5º do mesmo art. 144 diz que “às polícias militares cabem a polícia ostensiva e a preservação da ordem pública; aos corpos de bombeiros militares, além das atribuições definidas em lei, incumbe a execução de atividades de defesa civil”. Na prática, ser polícia ostensiva, significa que ela não pode se ocultar; que ela tem que se mostrar. Mas estamos vivendo momentos difíceis, se o bandido descobre onde mora o policial militar ele morre, de o policial e assaltado ele morre se ele passei com a família em sua folga ele morre .
Quando o inciso da carta afirma, também, que cabe a esta polícia a cautela, ou prevenção, da ordem pública, ele claramente coloca a polícia militar como guardiã única do carimbo preventivo. A pergunta que não quer calar é, porque os membros do alto escalão da corporação policial militar, não são unidos na defesa dos praças, o sangue azul não pode ter divisa. Esta na hora de dar um basta...
A polícia merece respeito , a polícia merece viver !

Mensalão: Polícia Federal abre inquérito contra Lula

Ex-presidente agora é investigado como suspeito de intermediar repasse de 7 milhões de reais da Portugal Telecom ao PT; acusação partiu de Marcos Valério

Gabriel Castro, de Brasília
Fonte Veja 
Desde o princípio Lula afirmou que "não sabia" do esquema do mensalão 

Desde o princípio, Lula afirmou que "não sabia" do esquema do mensalão (Leandro Martins/Futura Pres/VEJA)
A Polícia Federal confirmou, nesta sexta-feira, ter aberto inquérito para investigar a atuação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em uma das operações financeiras do mensalão. Agora, Lula é oficialmente investigado por sua participação no esquema que movimentou milhões de reais para pagar despesas de campanha e comprar o apoio político de parlamentares durante o primeiro mandato do petista.
O presidente teria intermediado a obtenção de um repasse de 7 milhões de reais de uma fornecedora da Portugal Telecom para o PT, por meio de publicitários ligados ao partido. Os recursos teriam sido usados para quitar dívidas eleitorais dos petistas. De acordo com Marcos Valério, operador do mensalão, Lula intercedeu pessoalmente junto a Miguel Horta, presidente da companhia portuguesa, para pedir os recursos. As informações eram desconhecidas até o ano passado, quando Valério - já condenado - resolveu contar parte do que havia omitido até então.
A transação investigada pelo inquérito estaria ligada a uma viagem feita por Valério a Portugal em 2005. O episódio foi usado, no julgamento do mensalão, como uma prova da influência do publicitário em negociações financeiras envolvendo o PT.
O pedido de abertura de inquérito havia sido feito pela Procuradoria da República no Distrito Federal. As novas acusações surgiram em depoimentos de Marcos Valério, o operador do mensalão, à Procuradoria-Geral da República. Como Lula e os outros acusados pelo publicitário não têm foro privilegiado, o caso foi encaminhado à representação do Ministério Público Federal em Brasília. Ao todo, a PGR enviou seis procedimentos preliminares aos procuradores do Distrito Federal. Um deles resultou no inquérito aberto pela PF. Outro, por se tratar de caixa dois, foi enviado à Procuradoria Eleitoral. Os outros quatro ainda estão em análise e podem ser transformados em outros inquéritos.
Segredos – Com a certeza de que iria para a cadeia, Marcos Valério começou a contar os segredos do mensalão em meados de setembro, como revelou VEJA. Em troca de seu silêncio, Valério disse que recebeu garantias do PT de que sua punição seria amena. Já sabendo que isso não se confirmaria no Supremo – que o condenou a mais de 40 anos por formação de quadrilha, corrupção ativa, peculato e lavagem de dinheiro – e, afirmando temer por sua vida, ele declarou a interlocutores que Lula "comandava tudo" e era "o chefe" do esquema.
Pouco depois, o operador financeiro do mensalão enviou, por meio de seus advogados, um fax ao STF declarando que estava disposto a contar tudo o que sabe. No início de novembro, nova reportagem de VEJA mostrou que o empresário depôs à PGR na tentativa de obter um acordo de delação premiada – um instrumento pelo qual o envolvido em um crime presta informações sobre ele, em troca de benefícios.
FOI CRIADA A LEI DO MACARRÃO ... VOCÊ ACREDITA NISSO !

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2011-2014/2014/Lei/L13050.htm

LEI 13.050/2014 (LEI ORDINÁRIA) 08/12/2014
Ementa:INSTITUI O DIA 25 DE OUTUBRO COMO DIA NACIONAL DO MACARRÃO.
Situação:NÃO CONSTA REVOGAÇÃO EXPRESSA
Chefe de Governo:DILMA ROUSSEFF
Origem:LEGISLATIVO
Fonte:D.O.U. DE 09/12/2014, P. 1
Link:texto integral
Referenda:
Alteração:
Correlação:
Interpretação:
Veto:
Assunto:CRIAÇÃO, DIA NACIONAL, MASSA ALIMENTICIA.
Classificação de Direito:HOMENAGEM.
Observação:

O Prefeito de Cabo Frio Alair Correa , retornou as atividades como apresentador de programa de TV , exercida conjuntamente com suas atividades de prefeito  O prefeito comanda um programa de entrevistas chamado CONTANDO HISTÓRIAS. Onde já entrevistou vários nomes da nossa sociedade cabofriense . Alair é um dos amigos que mas tenho gratidão , estima e consideração . Eu desejo todo o sucesso do mundo ao nosso querido e eterno prefeito!
A Prefeitura de Cabo Frio  fecha parceria com o circo do ator Marcos Frota... NATAL DOS SONHOS , Você poderá assistir um lindo espetáculo nos dias 19, 20 e 21 traga sua família!

 Homicídio em Araruama comerciante foi morto a facadas, após roubo 

 
A polícia militar foi chamada pelos familiares de João Cardoso (70), que foi encontrado morto em sua residência .  A vítima, que era comerciante, estava caído numa poça de sangue na sala de sua casa. Ao lado do corpo a PM encontrou uma faca, que foi apreendida.  A ocorrência foi registrada por volta das 23 horas.  Peritos dos ICCE estiveram no local junto com os investigadores do Núcleo de homicídios . Familiares informaram que o veículo do comerciante, um automóvel Palio branco, placa LOE8160, uma televisão de 14”, outra de 39”, um computador e um minisystem haviam desaparecido. Tudo aponta para um latrocínio ( roubo seguido de morte ).  O corpo foi levado para o IML de Araruama, a ocorrência registrada na 118ª DP.
Postado por Eduander Silva 

Paulo Melo anuncia que desistiu da disputa pela presidência da Assembleia

IMG_0798

O presidente da Assembleia Legislativa, Paulo Melo (PMDB), anunciou oficialmente, na noite desta quarta-feira (10), que desistiu de disputar a reeleição.
Melo comunicou a decisão durante a festa de confraternização dos deputados estaduais no restaurante Rubayart, no Jardim Botânico.
Ele enfrentaria o ex-presidente Jorge Picciani (PMDB), mas seu adversário deu uma cartada alta, quando fechou o apoio do bloco PR-PRB-PCdoB.
Sem chances de virar o jogo, restou a Melo desistir da briga.
Fonte: Berenice Seara/Jornal Extra
Mas uma vez a prefeitura de Itaguaí - RJ é palco de escândalos administrativos . Desta vez o prefeito da cidade Luciano Mota ( PSDB) , deixou de pagar o aluguel do Centro de  Especialidade Médica que beneficia centenas de pessoas na cidade . Com isso o CEM corre o risco de ser despejado por inadimplência no pagamento do aluguel  . Que vergonha prefeito !



 


                                
                                POLÍCIA


HOJE FOI O DIA : Agentes da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) faziam na manhã desta quarta-feira (10) uma operação para prender integrantes de milícias que atuam nas comunidades do Fubá, Campinho e Caixa D´Agua, na Zona Norte da cidade. Até as 10h25, 14 pessoas tinham sido presas, 11 presos com mandados, entre eles três policiais militares, e três autuados em flagrantes, como mostrou a Globonews. Os agentes também apreenderam um fuzil, uma escopeta, armas e uma grande quantidade de munição. O objetivo é cumprir 48 mandados de prisão expedidos pela Justiça.
A Operação Armagedom, que começou por volta das 6h, é realizada pela Subsecretaria de Inteligência (SSINTE) da Secretaria de Segurança em parceria com o Ministério Público do Rio. A ação conta ainda com apoio da Corregedoria Geral Unificada, Corregedoria da Polícia Militar e da Corregedoria da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap). Ao todo, são  450 policiais envolvidos.

Projeto considera legítima defesa agressão a invasor de domicílio



A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 7104/14, apresentado pelo deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), que considera legítima defesa a agressão praticada contra quem invadir uma residência. “Com isso, iremos proporcionar mecanismo inibitório da criminalidade, deixando claro que quem adentrar em ambiente domiciliar, urbano ou rural, sem consentimento poderá ser morto por quem legitimamente o habita”, explica Bolsonaro.
O Código Penal (Decreto-Lei 2.848/40) inclui três condições em que atos não são considerados crimes: o estado de necessidade, quando a pessoa comete o que seria um crime para salvar alguém de um perigo imediato; a legítima defesa, quando a pessoa defende sua própria vida; ou o estrito cumprimento de dever legal, que são ações de agentes públicos, geralmente policiais.
Hoje o conceito de legítima defesa não inclui agredir ou matar alguém que invadiu um domicilio, o que acaba caracterizado como “excesso” pela lei. “Ocasionando, em várias oportunidades, transtornos àqueles que legitimamente usaram recursos para sua proteção, dentro de um ambiente domiciliar”, argumenta o deputado.
Tramitação
Antes de ser votado em Plenário, o projeto precisa ser aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

  
IGUABA GRANDE Uma cidade esquecida





Imagine uma cidade estreita e precária, pois bem, essa cidade se chama Iguaba Grande. A responsabilidade pela situação caótica que a cidade esta vivendo, é da população que foi às urnas em 2012, e votou na atual gestora da cidade, que prometeu trazer o progresso e ainda não fez o dever de casa. Se olharmos a cadeira sucessória, o vice-prefeito bem como o presidente da Câmara Municipal da cidade, deveriam se levantar contra os desmandos do executivo, mais preferem o silêncio.



“Se o político eleito não tem competência renuncie”. Esse é o meu pensamento!  Nesta terça, dia 09 de dezembro de 2014, será o prazo para apresentação das Emendas ao Orçamento 2015. Onde será votada em 1ª votação a LOA (Lei Orçamentária Anual), que estima receita de R$ 88.300.955,63 para o Orçamento Geral do Município de Iguaba Grande.  A cidade está sitiada, com uma administração acéfala, distante das promessas de campanha, a partir de um discurso leviano, de quem jurou melhorar a educação, o trânsito, o desemprego, a segurança e tantas outras políticas ditas sociais, e que nada fizeram. A população se deixou enganar, e depositou sua “esperança” na candidatura da legitimamente eleita prefeita da cidade.



Hoje a cidade está perplexa com o comportamento da prefeita enquanto gestora. A impressão que se tem é que a mesma após três anos a frente da prefeitura, ainda não se deu conta que é a gestora da cidade e que tem compromisso com a população. Tal comportamento de total desprezo e ausência administrativa se reflete no total abandono extremo em setores essenciais à população, exemplo; a saúde na UTI, literalmente. Embora tenhamos um belo prédio na cidade que se denomina Unidade de Pronto Atendimento, mas na verdade é o Pronto Socorro Municipal, esta com carência de tudo. Na educação há um grito incessante do sindicato dos servidores públicos em denunciar que as unidades escolares não têm profissionais de apoio, falta até pessoal para realizar a limpeza, é um absurdo não tem merendeiras nas escolas, os alunos sofrendo com isso, sem falar na falta de professores em várias escolas, os bairros estão abandonados e sem serviço de pavimentação, água ou energia elétrica, servidores administrativos desmotivados e pessimamente remunerados.



“A desculpa é a mesma de sempre: A prefeitura não tem dinheiro, precisamos ajustar as finanças”. O que a prefeita deveria fazer? Eu respondo; Prefeita de um basta nesse vácuo político que se transformou a cidade!  Utilize a ferramenta fantástica que é a internet, logo pela manhã para ouvir o clamor da população, ande pela cidade ouça a população nas ruas, assista com imparcialidade alguns programas de rádio, leia os jornais, e ateste o que a cidade nesse momento vive.



Eu costumava fazer isso quando estava secretário de governo. Hoje o sentimento da população de Iguaba Grande é de abandono, literalmente ninguém olha pelo povo. Cada cidadão paga seus impostos, aliás, logo receberão os impávidos carnês de IPTU de 2015, e terão como cidadão de cumprir a obrigação de pagá-lo religiosamente em dia, mas a prefeita e seus secretários não correspondem infelizmente. Que venha 2016!












              Novamente a mesma história

Um juiz perde voo e manda prender atendentes da TAM

baldochi 

O juiz Marcelo Baldochi, titular da 4ª Vara Cível de Imperatriz no Maranhão , deu voz de prisão, ontem (6), a dois atendentes da TAM, após perder um voo da companhia.
Baldochi chegou ao aeroporto Renato Moreira, em Imperatriz, após o encerramento do check-in. Mas queria embarcar.
Como foi impedido pelos funcionários, deu voz de prisão a ambos e acionou a Polícia Militar, que levou todos a uma delegacia na cidade.
Sensibilizados, alguns colegas de trabalho acompanharam os dois atendentes “presos” até a delegacia.
O magistrado, no entanto, acabou não comparecendo para registrar a ocorrência e todos foram liberados.

                                ABSURDO 

O PREFEITO DE ARARUAMA MIGUEL JEOVANI (PP) , GASTOU R$ 165.000,00 PARA COLOCAR UMA ARVORE DE NATAL NA LAGOA DE ARARUAMA !
        
                "ISSO É UMA VERGONHA"  

Muitos conhecidos se candidataram no concurso deste ano da Policia Federal . Uma dica ,  quando eu fiz o concurso em 2012 , me dediquei ao máximo aos estudos e valeu a pena . Não adianta pagar a inscrição e ficar sonhando ... Estude ... dedique-se ! Não existe  vitória sem esforço e sacrifício. Boa sorte !

Um blog da região dos lagos ,  terá como cronista Reginaldo Mendes , atual vice prefeito de Arraial do Cabo. Eu particularmente conheço o Reginaldo a muito tempo, embora faltou com a palavra comigo no passado , não honrando acordos feitos . Mas desejo sucesso nessa nova empreitada . Não sei se conseguirá recuperar a credibilidade junto ao eleitorado de Arraial do Cabo  , mas tentar não custa nada !




A CORRUPÇÃO NO BRASIL




O Brasil é um país com um imenso buraco sem fundo chamado de corrupção. Precisamos começar a fazer alguma coisa, precisamos protestar exigir que usem o dinheiro público, que é composto da quantidade enorme de impostos que pagamos, em benefício do cidadão brasileiro e não contra ele. O enriquecimento ilícito deve ser tipificado como crime, o servidor que tenha patrimônio incompatível com o seu rendimento e não saiba justificar de onde veio deve ser processado criminalmente. Hoje o enriquecimento ilícito de agentes públicos é punido com base na Lei de Improbidade, que prevê sanções exclusivamente de caráter civil, como pagamento de multa, devolução de dinheiro desviado do erário e suspensão dos direitos políticos. Eu posso Propor a tipificação do enriquecimento ilícito com pena de reclusão, seria a melhor forma de punir que rouba dinheiro público.  A criminalização do enriquecimento seria ampla. Todo aquele que exercer função pública, cargo público, inclusive político e do Judiciário. Não precisa ser funcionário concursado desviou dinheiro público seria penalizado de forma severa com cadeia em regime fechado. Só desta forma esse País será respeitado 

Veja a lista dos parlamentares que votaram a favor da fraude fiscal de Dilma e limparam a cena do crime. A pedidos, seguem os nomes daqueles que votaram contra a manobra do governo petista (PLN 36) e honraram, no mínimo, 51 milhões de brasileiros que demonstraram nas urnas, em outubro, seu repúdio à presidente.

DEPUTADOS:
DEM
Abelardo Lupion PR Obstrução
Alexandre Leite SP Não
Efraim Filho PB Não
Felipe Maia RN Não
Lira Maia PA Não
Mandetta MS Não
Mendonça Filho PE Não
Onyx Lorenzoni RS Não
Rodrigo Maia RJ Não
Ronaldo Caiado GO Não
PDT
Reguffe DF Não
PMDB
Alceu Moreira RS Não
Edinho Bez SC Não
Fábio Trad MS Não
Marçal Filho MS Não
PP
Afonso Hamm RS Não
Dilceu Sperafico PR Não
Guilherme Mussi SP Não
Jair Bolsonaro RJ Não
Jerônimo Goergen RS Obstrução
Julio Lopes RJ Não
Luis Carlos Heinze RS Obstrução
Renato Molling RS Não
Roberto Balestra GO Não
PPS
Arnaldo Jardim SP Não
PR
Tiririca SP Não
PROS
Miro Teixeira RJ Não
PSB
Abelardo Camarinha SP Não
Alexandre Toledo AL Não
Dr. Ubiali SP Não
Júlio Delgado MG Não
PSC
Pastor Marco Feliciano SP Não
Takayama PR Não
PSD
André de Paula PE Não
Eleuses Paiva SP Não
Marcos Montes MG Não
Ricardo Izar SP Não
Thiago Peixoto GO Não
Vilmar Rocha GO Não
PSDB
Antonio Carlos Mendes Thame SP Obstrução
Antonio Imbassahy BA Não
Bruno Araújo PE Não
Domingos Sávio MG Não
Duarte Nogueira SP Não
Emanuel Fernandes SP Não
Izalci DF Não
Jutahy Junior BA Não
Luiz Carlos AP Obstrução
Luiz Carlos Hauly PR Não
Luiz Pitiman DF Obstrução
Mara Gabrilli SP Não
Nilson Leitão MT Não
Paulo Abi-Ackel MG Não
Raimundo Gomes de Matos CE Não
Ricardo Tripoli SP Obstrução
Ruy Carneiro PB Não
Vaz de Lima SP Não
Wandenkolk Gonçalves PA Não
William Dib SP Não
PTB
Arnaldo Faria de Sá SP Não
Eros Biondini MG Não
PTdoB
Luis Tibé MG Não
PV
Henrique Afonso AC Não
Roberto de Lucena SP Não
Solidariedade
Augusto Coutinho PE Não
Aureo RJ Não
Carlos Manato ES Obstrução
Dr. Grilo MG Obstrução
Laercio Oliveira SE Não
Zé Silva MG Não
SENADOR:
Waldemir Moka MS Não
A prática de agiotagem é crime repudiado pelo nosso ordenamento jurídico. Muitas pessoas caem na cilada desse mercado ilegal.

                             ARARUAMA

Dois integrantes de quadrilha de agiotagem são presos nesta sexta, em Araruama, pela Polícia Civil

 Duas pessoas foram foram presas na manhã desta sexta-feira (5), em Araruama, em operação da Polícia Civil. Henrique Siqueira Pinto de Lima, de 27 anos, e Leandro Vinícius Henriques de Souza, 27, são acusados de integrar uma quadrilha de agiotagem, que arrecadava mais de meio milhão de reais por mês, segundo as investigações da polícia. Pela manhã, os policiais vasculharam casas e empresas que pertencem ao integrantes da quadrilha, com mandados de busca e apreensão.

O grupo agia no Rio de Janeiro, Niterói, São Gonçalo e Macaé. Em Araruama, Bruno da Silva Pinheiro, 26, é apontado pela polícia como chefe da quadrilha. Ele é assessor parlamentar na Câmara de Vereadores e sobrinho do secretário municipal de Segurança, Márcio Oliveira. Bruno não foi encontrado pelos policiais nesta sexta-feira. Por essa razão é considerado foragido.

Segundo a polícia, Henrique Siqueira é apontado como o cobrador da quadrilha. Ele que fazia as ameaças às pessoas que pegavam dinheiro com o grupo. Já Leandro Vinicius é acusado de ser o operador de caixa do esquema. De acordo com a polícia, ele é quem entregava o dinheiro para as vítimas. Outras duas pessoas foram presas em São Gonçalo. A polícia procura também Renato Gomes Fonseca, 24 anos, que também é acusado de integrar a quadrilha. 

O caso começou a ser investigado em junho de 2013, depois que uma mulher de 70 anos, vítima de ameaças, denunciou o esquema à polícia. Outros integrantes estão sendo investigados.

 





           Prefeita de Rio Bonito é cassada

A ação proposta pelo Ministério Público Federal aponta irregularidades na contratação de transporte para a rede de ensino durante o primeiro mandado de Solange Pereira

O Dia
 
Rio - O Tribunal Regional Federal (TRT) da 2ª Região decidiu pela cassação da prefeita de Rio Bonito, Solange Pereira (PMDB). Ela é acusada de improbidade administrativa por má gestão dos recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. O TRT também pediu a suspensão dos direitos políticos de Solange por seis anos. O PMDB vai recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF).
A ação proposta pelo Ministério Público Federal aponta irregularidades na contratação de transporte para a rede de ensino durante o primeiro mandado de Solange (2001 a 2004). Houve, segundo o órgão, emprego de verba federal em “desacordo” com a lei pois a prefeitura contratou transporte para professores, coordenadores e supervisores, quando o programa federal previa verbas apenas para alunos da área rural. Vice-prefeito da cidade, Anderson Tinoco (PSDB) disse estar pronto para assumir o cargo. “Rompi com Solange em fevereiro. Não concordei com muitas coisas do governo dela”, afirmou.

Fonte G1

Deputados do Rio são surpreendidos por desconto de faltas em pagamento

Medida permitiu redução no salário de 64 parlamentares em outubro.

Políticos defenderam desconto, mas criticaram falta de informações.

As faltas ao trabalho no mês de outubro custaram caro a alguns deputados da Assembleia Legislativa do Rio, que tiveram as ausências descontadas do pagamento de novembro. O desconto de faltas não justificadas foi instituído por ato, assinado pela Mesa Diretora da Casa, e publicado na edição de 26 de setembro no Diário Oficial do Estado. No entanto, alguns deputados disseram ao G1 desconhecer a medida – o que justificaria o “susto” levado por faltosos ao abrir os contracheques.
"Após o término de cada sessão deliberativa, será encaminhada a listagem de presença extraída do sistema eletrônico de votação para o Departamento responsável pelo registro de frequência dos Senhores Parlamentares, que providenciará sua publicação e envio ao Departamento Financeiro, onde serão efetuados os devidos descontos em folha", diz o texto.
Dos 68 deputados, apenas quatro não registraram faltas em outubro. Pela quantidade de ausências, quem amargou maior prejuízo foi o deputado Márcio Panisset (PDT), que faltou 13 das 14 sessões plenárias. Procurado pelo G1, o parlamentar não foi localizado para falar sobre o assunto.

Dentre os que não sabiam da medida em vigor, está o deputado Marcelo Freixo (PSOL). “Isso não foi comunicado, eu realmente não sabia. Como eu não falto, não estava atento que isso estava acontecendo”, afirmou.

Freixo disse que apresentou um projeto de lei em 2007, junto com o deputado Wagner Montes (PSD), para instituir o desconto de faltas dos parlamentares, mas o texto não chegou a ser votado.

“Sou totalmente favorável a isso. Falta no trabalho tem que ser descontada como ocorre com qualquer outro trabalhador. O que eles fazem é faltar e apresentar uma justificativa ‘mequetrefe’”, disse o deputado, que teve uma falta em outubro. “Estava em uma audiência da Comissão de Direitos Humanos em Bangu [Zona Oeste] e não consegui chegar a tempo da sessão por causa do trânsito”.
 
Deputado critica 'desorganização'
Com duas faltas registradas em outubro, o deputado Xandrinho (PV) não ficou satisfeito de ver o valor descontado do pagamento. Isso porque, segundo ele, as ausências ocorreram por motivo de saúde e foram justificadas com apresentação de licença médica.
“Aquilo lá é uma burocracia que você não faz nem ideia. Acho que pelo fato de isso nunca ter acontecido, eles [Casa] não estão preparados. Eu quero deixar claro que sou favorável. Se faltou, tem que ser descontado. Agora, não com atestado médico. Isso é desorganização”, disse Xandrinho, acrescentando que pedirá restituição de cerca de R$ 1.300 descontados de seu vencimento.
O deputado frisou ainda que não sabe como foi feito o cálculo para se chegar a esse valor, referente a duas faltas. “Não explicaram nada”, afirmou. A falta de informação também foi criticada pelo deputado Luiz Paulo Correa da Rocha (PSDB). “Tenho ouvido muita reclamação. A informação que ouvi no parlamento é que a proporcionalidade do desconto não estaria certa”, disse o tucano que esteve presente em todas as sessões de outubro.
O G1 procurou a assessoria de imprensa da Assembleia Legislativa do Rio na quarta-feira (3) e nesta quinta-feira (4) para saber como é feito o cálculo dos descontos, mas não teve retorno até a publicação desta reportagem.